Ação no TJ/SP pede inclusão de transsexuais na distribuição de absorventes

O edital que deve ser publicado no próximo dia 4, com a inclusão de novas pessoas, agora se deve ao fato de incluir pessoas transmasculinas na política de distribuição de absorventes.

A decisão da implementação partiu de uma vereadora do PSOL, que questionou a distribuição, uma vez que, só era concedida para pessoas que se identificam com o gênero feminino pela prefeitura de São Paulo.

A ação questionou então a decisão anterior, e alegou que qualquer pessoa que esteja suscetível a pobreza menstrual, seja beneficiário.

A Procuradoria Geral deu procedência a ação, mas com soluções distintas de propostas, que deverão ser publicadas nos próximos dias.


Ver todos os posts