Cliente que atirou em advogada tem prisão decretada.

Recentemente vimos um crime, no qual um cliente atirou em sua advogada, dentro do próprio escritório da vítima, caso esse que chocou a internet.

O homem conhecido como Diego Dorado Borgeth teixeira, teve prisão preventiva decretada, pelo Juíz da Central de Audiências de Custódia de Campos dos Goytacazes.

O acusado se negou a pagar honorários a sua advogada, Nayara Gilda Gomes, que o representava em um processo de inventário, e pela justiça obteve reserva dos bens dentro do processo, para garantir seu pagamento, o que então, despertou fúria no mesmo.

O acusado teria agredido sua namorada na noite anterior ao crime, que para o magistrado pode ser considerado como agravante. O ocorrido está sendo investigado pela 134• Delegacia de Polícia de Goytacazes/RJ.


Ver todos os posts