Pesquisar:

- de - encontrados

Notícias Jurídicas
Renovadas diariamente de segunda a sexta

Advogados criam instituto para estudar normas de proteção de dados

Advogados e especialistas em informática criaram o Instituto Brasileiro de Estudo em Proteção de Dados (Ibradados) que visa atuar nas normas de proteção de dados. A diretoria, que foi escolhida no dia 16 de agosto, terá na presidência a advogada Ana Tereza Basilio, que atualmente também ocupa a vice-presidência da OAB-RJ.

Um dos principais focos do instituto são os debates e soluções relacionados à nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), aprovada e sancionada em 2018, que mudou as regras para empresas e clientes em relação aos dados. O Ibradados será sediado no Rio de Janeiro, mas a sua atuação será nacional.

“Sem fins lucrativos e financiado pelos próprios associados, o Ibradados tem como objetivo realizar pesquisas e divulgação de estudos na área jurídica. O estatuto da associação prevê a realização de seminários e congressos em todo país, além de apresentar soluções no meio jurídico que envolvam a proteção de dados”, explica Ana Basilio.

A advogada comandará a instituição nos próximos cinco anos. Focado em normas para proteção de dados, o Ibradados foi pensado por profissionais do Rio de Janeiro e São Paulo. O Instituto reúne advogados empresariais, criminalistas e especialistas em informática.

Fonte: ConJur


Ver todas as Notícias Jurídicas